ékstasis

Olho pras curvas desta estrada Desta estrada quase dourada Com pequenos defeitos quase - insignificantes Corro na maior velocidade possível Quase como se fosse imperceptível Que esta estrada se tornasse ainda mais - fascinante À medida que lhe percorria Que nela eu vivia, dormia e morria Que implorava por ela - delirante À medida em... Continuar Lendo →

Anúncios

O síndico (ou a estrela cadente)

Havia pouquíssimo tempo que se mudara para o prédio novo do final da rua. Era algo provisório, pois precisava de um lugar para morar até que a reforma de seu apartamento ficasse pronta. Não se deu ao luxo de percorrer bairros sem fim, o primeiro canto sossegado lhe atraiu como um imã e lá estava... Continuar Lendo →

Intocável

Pássaro que voa alto demais Coral imaginário no fundo do oceano Um pequeno navio gigante quase escondido pelo sol Nuvem que sei exatamente a forma que tem Vapor da chaleira na manhã de inverno Sol de outono que ilumina, mas não aquece Arco íris no meio da estrada sem pote de ouro Oasis por entre... Continuar Lendo →

Verão

O sol pareceu raiar mais cedo Com a luminosidade perfeita Embora mais distante do que nunca E segura aos raios que acariciavam A pele em estado de total conforto Os olhos brilhando como o sol O sorriso escapando fácil e leve Não parecia matemática, não batia Mas por ser tão dourado, escondia A verdade tão... Continuar Lendo →

A maçã de Eva

Ainda sonolenta, abriu os olhos e percebeu-se em sua cama. Outro devaneio como os outros. Passou o dia inteiro trabalhando com aquele frio na barriga, uma brisa gelada no pescoço cada vez que pensava nele. No longo caminho para casa, sentou sozinha no último banco do ônibus e encostou a cabeça no vidro, fechou os... Continuar Lendo →

Preliminar febril

A chuva caindo fina, morna Me observando através da vidraça E me prendendo numa mordaça Em ebulição o que eu sinto, entorna Eu tiro cada peça de roupa lentamente Observada apenas pela chuva leve Que se caísse sob minha pele, seria neve Desaparecendo ligeira e sutilmente Ansiava que você me observasse Por trás de uma... Continuar Lendo →

Gosto de céu estrelado

Sentada sob a luz das estrelas, sozinha, tocava os lábios com a ponta dos dedos umedecidos em vinho e imaginava qual seria o gosto daquele beijo. Imaginava aqueles braços em torno de si, aquecendo e protegendo - não que precisasse ser protegida, mas sabia como era gostosa a sensação. Imaginou que talvez pudesse ter gosto... Continuar Lendo →

Amor e agonia

Hoje deveria ser um dia importante! Um dia cheio de sol e cor, flores e beijos nossos, só nossos. Há exatamente 365 dias você me disse o primeiro "eu te amo". E acredite, esta era a única coisa que eu não esperava ouvir de você na vida. Mas...  Sim, eu sei, foi a empolgação do... Continuar Lendo →

WordPress.com.

Acima ↑